domingo, 12 de abril de 2015

Construção da primeira capela de Canoa (Aracoiaba-Ceará).


Primeira Capela de Canoa (1914) - Aracoiaba-Ceará
Foto de Artur Ricardo.

Essa foi a primeira Capela (Igreja Católica) de Aracoiaba, construída por mulheres no tempo da Grande Seca, após atendimento ao ofício de onze de fevereiro de 1879, enviado pela Comissão de Socorro Público, comunicando ao Presidente da Província que a Capela do Cemitério da Povoação está em fase de construção.

Era presidente daquela Comissão de Socorro Público do “Abarracamento Boa Esperança” da Povoação de Canoa, futura Aracoiaba. O Capelão Padre Manoel Rodrigues Campos, quando cita em um de seus ofícios, o fato de ter sido procurado pelas viúvas e órfãos dos homens que morreram vítimas das epidemias das secas, assim como dos inutilizados que não podiam mais trabalhar na Estrada de Ferro.

Numa das correspondências enviadas pelo Capelão ao Presidente da Província, ele se refere à seca como [sic]:

“(...) horrível fragello da seca, que tem reduzido e deposto imenso número de seus habitante e, apelando para o zelo caritativo de V. Exa... para salvação geral de todos os infelizes que se encontram nessa terrível opressão, ...nunca esqueça os habitantes de “Canoa” que por sua vez, vêm perante V. Exa., manifestar voto de mui alta veneração (...)”.

No relato a seguir o Capelão, cita na ocasião, as mulheres que o procuram para pedirem serviço, já que na Estrada de Ferro só podiam trabalhar homens e que seus maridos e pais haviam falecido trabalhando e outros se encontravam inutilizados, portanto, sem poder trabalhar para manutenção da família.

“(...) de um povo sofrido, afrontado pela fome como cruel açoite a subtrair a vida de quem quer que seja, portanto, cavalheiramente e humildemente pede autorização para empregar as mulheres órfãs e viúvas do “Abarracamento Boa Esperança”, na construção de uma capela na localidade, visto que o Ministério do Sacrifício da Santa Missa acontece em um pequeno alpendre exposto ao sol e sem nenhuma proteção (...)”.

Deram elas como sugestão de trabalho, a construção de uma Capela na povoação, já que os encontros para suas orações eram feitas no alpendre de uma residência particular, no caso, na casa do capelão Padre Pedro, no sítio denominado “Barra do Candeia”, a margem esquerda do mesmo “Rio Candeia”, conforme endereço descrito no Testamento do próprio Padre Pedro.

Assim, a referida Comissão solicita autorização para que aquelas sofridas mulheres órfãs e viúvas das secas, residentes no “Abarracamento Boas Esperança” pudessem construir uma Capela na Povoação de Canoa, trabalhando em substituição aos esposos e pais falecidos, como forma de manter vivos seus componentes familiares.
Esse valiosíssimo registro histórico, tão bem conservado se encontra no Arquivo Público do Estado do Ceará.


 Igreja Matriz de Aracoiaba - Ceará (2015).
Foto dos Arquivos da Paróquia de Aracoiaba.

Fonte: MATOS, Rose Mary Santana. Aracoiaba, história em retalhos. Vol. I.  Fortaleza-Ceará. Ed. Premius. 2012. pp. 145-146. Com adaptações de Artur Ricardo.
Postar um comentário

HISTÓRIA DE PACOTI - CEARÁ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...