quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

FATOS QUE MARCARAM O DIA 13 DE JANEIRO AO LONGO DA HISTÓRIA


13 de janeiro de 1750 – Feito o Tratado de Madrid/Madri, documento que definiu o território dacolônia brasileira.
O Tratado de Madrid foi firmado na capital espanhola entre D. João V de Portugal e D. Fernando VI de Espanha, a 13 de Janeiro de 1750, para definir os limites entre as respectivas colônias sul-americanas, pondo fim assim às disputas. O objetivo do tratado era substituir o de Tordesilhas, o qual já não era mais respeitado na prática. As negociações basearam-se no chamadoMapa das Cortes, privilegiando a utilização de rios e montanhas para demarcação dos limites. O diploma consagrou o princípio do direito privado romano douti possidetis, ita possideatis (quem possui de fato, deve possuir de direito), delineando os contornos aproximados do Brasil de hoje.


«Vista do Patíbulo que se viu na Praça de Belém,
a 13 de Janeiro de 1759».

c. 1760, gravura a água-forte, colorida, 34 x 41,8 cm
Museu da Cidade, Lisboa, Portugal
Gravura de autor anónimo.  Em Lisboa, nos arrabaldes de Belém, o Duque de Aveiro e alguns membros da família dos Távoras foram publicamente executados, em 13 de Janeiro de 1759, por estarem implicados no atentado contra o rei D. José I. A sentença foi aplicada de uma forma tão brutal e selvagem que foi muito criticada pela opinião pública internacional. Na gravura vê-se o patíbulo com os condenados a serem sentenciados e os seus carrascos; magistrados com as suas varas encarnadas e tropas de infantaria, com os seus tradicionais uniformes brancos, com granadeiros de gorro de pele à direita da bandeira regimental, assim como de tropas de artilharia com os seus uniformes azuis. A legenda da gravura discrimina os condenados.


13 de janeiro de 1893. O Partido Trabalhista Independente britânico foi criado tendo como seu primeiro dirigente James Keir Hardie.

13 de janeiro de 1898. O escritor francês Émile Zola publicou uma carta com o título J'Accuse, em que acusava o governo de francês de encobrir a verdade no caso Dreyfus. O capitão Alfred Dreyfus, de origem judaica,  tinha sido acusado de espionagem a favor da Alemanha, condenado e deportado para a Guiana Francesa. Devido à carta que provocou a reabertura do processo, Dreyfus foi ilibado e reintegrado no exército francês.



13 de janeiro de  1935. A população da região do Saar, entre a França e a Alemanha, votou pela incorporação no reich Alemão governado pelo Partido nazi de Hitler. O território estava sob controlo da França desde o fim da Primeira Guerra Mundial.

13 de janeiro de 1948 – Gandhi inicia um jejum em protesto contra as violências cometidas porindianos e paquistaneses.

CIDADE DE GAZA:

13 de janeiro de 2009 - Abbas acusa Israel de querer 'aniquilar' o povo palestino de Gaza
O presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, acusou Israel nesta terça-feira de querer "aniquilar" o povo palestino na Faixa de Gaza ao se negar a deter a ofensiva militar nesse território, que dura 18 dias.



FONTES: Wikipedia, Portal da História, Blog História Viva.
FOTOS: Google Imagens.
PESQUISADOR: Artur Ricardo - Historiador.
























































Postar um comentário

HISTÓRIA DE PACOTI - CEARÁ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...