sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

História da Igreja de São Sebastião (1917 – 2017) – Vale dos Candéias/Baturité – Ceará.

100 anos da Construção da Capela de São Sebastião em Baturité - (1917-2017).
Foto: João Artur

A comunidade de São Sebastião no Vale dos Candéias, faz parte da Paróquia Cristo Rei em Baturité celebra nesse ano de 2017 os 100 anos da construção da capela (1917 – 2017).

A comunidade antes de ser chamado São Sebastião, era apenas um sitio conhecido como Sobradinho, pertencente à Família Porfírio Rodrigues de Souza.

Por volta dos anos de 1915 e 1916, uma grande epidemia de uma febre escaldante, atingiu o Vale dos Candéias, de tal forma que muitas pessoas vieram a falecer. A família do Capitão Porfírio também foi atingida, morrendo assim a sua esposa.

Capitão Porfírio era um homem de muita fé, mas ficou abalado com aquela situação, pediu a proteção de Deus por meio da intercessão do Santo Mártir São Sebastião, fazendo uma promessa, que se aquela doença que estava assolando as pessoas da região acabasse ele construiria no centro do sítio uma capela com o nome de São Sebastião. Deus atendeu aos apelos do dono do sítio o Sr. Porfírio e a doença deixou de existir. Deus assim o concedeu.

Então o Capitão Porfírio agradecendo muito a Deus, cumpriu sua promessa e no ano de 1917 ergueu a Capelinha à São Sebastião no centro do Sítio, com ajuda de seus filhos e alguns moradores, que traziam pedras, areias do rio para construir a capela.

No dia da Inauguração foi uma grande alegria para a família do Capitão e para os moradores da comunidade e localidades vizinhas.

No dia 20 de janeiro de 1918, aconteceu uma grande festa para celebrar o dia do santo padroeiro. Nessa ocasião foram feitos muitas bandeirinhas, fogos artesanais e muitas festividades para comemorar esse dia. Às 09h00min da manhã foi realizada a Primeira Missa (1918 – 2018 – no próximo ano fará 100 anos da primeira festa de São Sebastião), que foi celebrada por Monsenhor Manuel Cândido, com muita alegria e entusiasmo.

Anos depois ele fez doação de grande parte do sítio para a Arquidiocese de Fortaleza. As famílias foram aumentando, fazendo suas casas, o terreno foi aforado, e recebendo o nome de comunidade de São Sebastião.

Mas, anos depois o nosso saudoso Capitão Porfírio Rodrigues de Souza, foi morto por um de seus funcionários, com uma machadada na cabeça.

A família muito triste começou a vender parte do sítio, e depois a terceira esposa, fez doação de uma parte do terreno para o Estado, terreno esse onde está construída a Escola, Posto de Saúde, Associação e algumas moradias.

Hoje a comunidade conta com um número de mais de 200 famílias.


Fonte: Membros e líderes da Igreja São Sebastião – Paróquia Cristo Rei em Baturité/Ceará.
Fotos: João Artur - Historiador















Fotos registradas em 20.01.2017 - Festa de São Sebastião - Vale dos Candéias - Baturité/Ceará.

Fotos de João Artur - Historiador


Postar um comentário

HISTÓRIA DE PACOTI - CEARÁ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...